.posts recentes

. ...

. A Geringonça

. Presépio ao Vivo 2016

. Sr Contente e Sr Feliz

. ...

. NATAL HOJE

. A ÓPERA DOS MALANDROS

. O BRASEADO

. FOI POR VONTADE DO POVO

. Halloween português

.arquivos

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

Terça-feira, 14 de Agosto de 2007

IDOSOS-POPULAÇÃO EM RISCO- um certo olhar humorado sobre um problema sério

Há já algum tempo que o tema "idosos" me acompanha. Como em diversas vezes tive ocasião

de referir, em prosa ou mesmo em verso, a ideia da morte não me atrapalha, especialmente se eu não estiver lá quando ela acontecer como diria Woody Allen com alguma graça. Acabar os meus dias não me incomoda muito. O que me parece é que começa a incomodar terceiros.

Quando vejo o estado económico do país, os gritos por melhores salários, melhores pensões e os idosos a queixarem-se do aumento do custo de vida e da sua incapacidade para custearem os medicamentos e tratamentos necessários, fico apreensiva.

A geração que me segue sente receio pelas suas reformas no futuro, no que até têm razão. As perspectivas não são muito animadoras e isso dá-lhes uma insegurança que não pode trazer senão um certo rancor mesclado de impotência e gerador de possíveis situações embaraçosas.

A Comunicação Social vai dizendo que até 2020 a situação financeira não vai melhorar quanto a a reformas, etc, etc.

A longevidade é agora maior do que há alguns anos atrás; a xenofobia aumenta cada dia mais e, pessimista como sou, já estou a ver daqui a pouco tempo uma xenofobia não apenas com a raça negra ou qualquer outra, mas com a tal dita terceira idade (palavras abomináveis)

Estou a ver os idosos metidos em casa, espreitando pela janela com receio de alguns grupos de jovens empunhando slogans como MORTE AOS IDOSOS, TEMOS DIREITO ÁS NOSSAS REFORMAS, VAMOS A ELES.

É que as coisas não andam nada bem.

Na verdade, conservar as pessoas vivas até mais tarde é uma ideia muito louvável mas, tem também imensos custos.

Para manterem os idosos vivos mais anos há que despender mais dinheiro e dinheiro é coisa que não abunda neste recanto à beira mar plantado.

Hoje, li um extracto de afirmações do ex- Bastonário da Ordem dos Advogados que dizia: "é verdade que não há dinheiro e é verdade que uma população de velhos não justifica escolas, maternidades, centros de saúde e, a bem dizer, nem sequer vale um selo de correio. Que morram longe e poupem pensões" fim de citação.

É claro que ele não diz para matarem os velhinhos mas, pode deixar a ideia no ar.

E mais slogans surgirão : "CADA VEZ MAIS DESEJOSOS DE QUE MORRAM OS IDOSOS ou

ESTAMOS EM GUERRA, VELHINHOS PARA A TERRA ou QUEREMOS AS CONTAS EM DIA, MATEM O PAI, A MÃE E A TIA"

E se esta ideia germina não sei como se irá resolver o problema.

É certo que, paralelamente a esta longevidade já comprovada, também se multiplicaram as Clínicas de rejuvenescimento, os cremes milagrosos, os SPA"s de sucesso.

Porém não se pode continuar a fazer plásticas até ao infinito.

Terá que haver, pelo menos, a elasticidade suficiente na pele para se poder gritar por SOCORRO.

Confesso que não sei dar a receita para isto, apenas sou capaz, ainda, de fazer algum humor que espero seja partilhado.

                                 BRIZÉRRIMA

 

 

 


publicado por brizissima às 17:16

link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De A. João Soares a 15 de Agosto de 2007 às 09:44
Cara Briz,
Permiti-me transcrever este post para Do Miradouro, com este comentário:
Trata-se de humor negro, mas antes fosse só isso, porque temo que possa tratar-se de uma premonição ou profecia. E se a eutanásia vier a ser praticada de forma mais ou menos sistemática, por razões de finanças do Estado, então manda a lógica que se comece pelos reformados com várias pensões, com pensões milionárias e, a seguir, pela ordem descendente do valor destas.
Espero que a autora se decida a inscrever-se no CVS – Clube Virtual de Seniores indo engrossar o número já interessante de inscritos. Permito-me recordar que, sobre este tema, podem ser aqui encontrados vários posts.
Abraço


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


.tags

. todas as tags

.favorito

. GAZETILHA

. NEVOEIRO

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds